Carregando

Buscar

Futebol

“Seu vizinho tem razão”: muros pichados no Allianz Parque e protestos da Mancha Verde contra Abel marcam derrota do Palmeiras

Compartilhe

Mesmo classificado para a final da Copa Libertadores, o Palmeiras não vive bom momento e amargou mais uma derrota na noite do último sábado (9), frente ao Red Bull Bragantino. Como a partida marcou o retorno dos palmeirenses ao Allianz Parque após a pandemia, os torcedores não pouparam seu treinador de críticas após o fim do jogo.

Principal organizada do Verdão, a Mancha Verde não aliviou para Abel Ferreira: “Antes de começar o jogo: cantamos o nome do treinador e dos jogadores […] Após o jogo: xingamos o treinador que erra muito mais que acerta, que nas entrevistas coletivas, nas poucas vezes que o time vai bem, é a ‘equipa’ que ele armou e preparou para aquele resultado. Agora, nas eliminações e nas derrotas, o discurso é que ele pediu jogadores, que os jogadores não executam o que ele treinou”, disse a organizada em post no Instagram.

Foto: Reprodução/Bruno Massa

A revolta seguiu durante a madrugada e os muros do Allianz Parque amanheceram com pichações, em protesto contra mais uma derrota. “Abel, seu vizinho tem razão” e “Diretoria omissa” foram alguns dos dizeres marcados no estádio palmeirense, foi uma das frases escritas, uma alusão à entrevista coletiva do português após a classificação da equipe para a final da Libertadores.

A má fase do Palmeiras é demonstrada em números: nos últimos 8 jogos, o Verdão conquistou apenas uma vitória; além disso, o time de Abel Ferreira possui a terceira pior defesa do Brasileirão (à frente apenas de Chapecoense e Bahia). O Palmeiras buscará se recuperar até 29 de novembro, quando enfrenta o Flamengo pela final da Libertadores em Montevidéu, Uruguai.

Foto de capa: Reprodução/Bruno Massa

João Felix

Confira a postagem da Mancha Alviverde:

Em destaque