Carregando

Buscar

Futebol

CBF nega pedido de clubes ingleses para que os jogadores retornem antes de jogo contra o Uruguai

Compartilhe

Os clubes ingleses concordaram em ceder seus jogadores à Seleção na rodada tripla das Eliminatórias da Copa do Mundo. No entanto, pediram o retorno dos atletas antes do previsto. A CBF não concordou com a solicitação, e deseja contar com o grupo para o confronto contra o Uruguai, no dia 14.

O pedido foi publicado inicialmente pelo veículo inglês “Daily Mail” e a confirmação foi feita pelo “Globo Esporte”. A entidade segue em conversa com os clubes, mas não pretende liberar os oito jogadores que atuam no Inglês. 

São eles: os goleiros Alisson (Liverpool) e Ederson (Manchester City), o lateral-direito Émerson Royal (Tottenham), o zagueiro Thiago Silva (Chelsea), os meio-campistas Fabinho (Liverpool) e Fred (Manchester United) e os atacantes Raphinha (Leeds) e Gabriel Jesus (Manchester City).

Foto de capa: Getty Images
João Felix

A polêmica já dura desde a data Fifa de setembro, quando os jogadores não foram liberados pelos clubes.  CBF pediu a punição dos times da Inglaterra, mas depois de negociações e do pedido dos próprios atletas os ânimos se esfriaram.

O Brasil tem pela frente os jogos contra a Venezuela, na quinta-feira, Colômbia, no domingo, e Uruguai, no dia 14. 

Em destaque