Carregando

Buscar

Futebol

Dudu brinca sobre Deyverson e não acredita na anulação da partida contra o Atlético-MG pela Libertadores: “Perderam em campo”

Compartilhe

O Atlético-MG entrou com um pedido para a anulação da partida contra o Palmeiras, pela Libertadores, que causou a sua eliminação do torneio. A tentativa, no entanto, não preocupa Dudu, autor do gol que garantiu a classificação do time paulista.

Em entrevista ao “Globo Esporte”, o jogador valorizou a entrega da equipe em campo e ainda saiu em defesa de Deyverson, que invadiu o campo – um dos pontos citados pelo Galo no documento enviado à Conmebol.

Ele entrou em campo, mas não interferiu em nada, não mudou em nada, não teve nada demais ali, entendeu? Isto a gente deixa para quem tem que resolver, o Palmeiras com o pessoal do jurídico, o Atlético-MG, a Conmebol”.

Ainda acrescentou: “Importante que fizemos nosso papel, a gente conquistou a vaga das quartas de final limpa, no campo. Isto temos que sempre estar em mente. A gente fez dentro de campo, não é fora de campo que vamos tentar anular o jogo ou o gol. Isto o Atlético-MG tem que ter na cabeça, que perderam dentro de campo, perderam limpos. Eles têm dois títulos a disputar ainda, nós também temos, no Brasileiro e Libertadores e vamos disputar até o final. Eles vão procurar de qualquer jeito uma forma de tentar, mas é muito difícil”.

Foto de capa: Cesar Greco/Palmeiras
João Felix

O atacante ainda brincou com o comportamento de Deyverson, mas deu um alerta ao jogador sobre os riscos que correu. “O Deyverson é meio doidinho da cabeça, né? (risos) Ele sabe da responsabilidade que ele quase causou, tem que se controlar, estar sempre focado. Ele deu uma melhorada, mas diz que nem viu a linha do campo. Tem que se controlar um pouco mais, ficar mais focado no Palmeiras, no que tem de objetivo”.

“É um cara sensacional, que eu me dou muito bem, gosto muito dele, espero que ele possa estar mais tranquilo, mais focado para desenvolver o futebol dele no Palmeiras. Ele sabe que se tivesse anulado o gol ele estaria um pouco enrolado (risos). A gente até brincou com ele no campo. Mas é um cara tranquilo, menino do bem, esperamos que ele possa melhorar um pouquinho nesta parte dele aí”, completou.

Em destaque