Carregando

Buscar

Futebol

Coritiba é condenado a pagar R$ 550 mil ao ex-treinador Rodrigo Santana

Taça-brasileirao
Compartilhe

A Justiça condenou o Coritiba nesta quarta-feira a pagar pendências ao ex-treinador Rodrigo Santana, no valor de R$ 550 mil. O técnico assumiu a equipe no fim de outubro de 2020 e ficou mais de um mês e meio no cargo.

Em abril de 2021, Rodrigo iniciou a ação judicial contra o Coxa exigindo R$ 680 mil referentes ao direito de imagem, auxílio moradia, 13º salário, férias, Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e multas. Seus auxiliares, Flávio Garcia e Adilson Warken, junto com o preparador físico Daniel Felix, exigem R$ 289,8 mil.

A passagem do comandante foi desastrosa e rápida. Teve apenas 11% de aproveitamento e foi demitido logo na sua sexta partida sem vitória. Ao todo o treinador somou 2 pontos com o Coxa, dois empates e quatro derrotas. Após a demissão, assumiu o Confiança e atualmente está livre no mercado. 

Foto de capa: Getty Images
João Felix

Em destaque