Carregando

Buscar

Futebol

Uefa decide anular processo por Superliga contra Real Madrid, Juventus e Barcelona

Compartilhe

A Uefa comunicou nesta segunda-feira (27) que tornou nulo o processo que estava sendo movido contra Real Madrid, Barcelona e Juventus, todos clubes fundadores da Superliga. A liga explicou através de comunicado que é como se nunca ‘tivesse aberto’ tal ação.

A decisão da Uefa ocorreu após o Tribunal Comercial de Madrid 17 definir que a entidade deveria anular o processo.

A ação que estava sendo movida pela Uefa era referente a criação da Superliga, às três equipes ainda seguem filiadas e por isso o processo estava sendo movido, entretanto as recorrentes derrotas na justiça envolvendo essa temática fizeram com que a Uefa retrocedesse.

Foto destaque: Getty Images

João Felix

A decisão também informa que a multa 15 milhões de euros, imposta aos clubes que adotaram a ideia da Superliga, mas voltaram atrás, deveria ser devolvida. Arsenal, Chelsea, Manchester City, Manchester United, Tottenham, Liverpool, Milan, Atlético de Madrid e Inter de Milão estariam livres do pagamento do valor. 

Ainda no comunicado, a Uefa afirmou que não irá desistir do processo movido pelos clubes: “A Uefa mantém a sua opinião de que sempre agiu de acordo não só com os seus Estatutos e Regulamentos, mas também com a legislação da União Europeia, a Convenção Europeia dos Direitos do Homem e a legislação suíça no que se refere ao denominado projeto Superliga. A Uefa continua confiante e continuará a defender a sua posição em todas as jurisdições relevantes.”

Em destaque