Carregando

Buscar

Futebol

Jogadores brasileiros da Premier League que foram convocados não poderão jogar por cinco dias, diz jornal

Depois das autoridades brasileiras acionarem uma regra da Fifa para impedi-los de jogarem, oito brasileiros da Premier League não poderão atuar na rodada que marca a volta do campeonato inglês após a Data Fifa.

Medida também pode valer para as outras seleções da América do Sul.

A regra da Fifa diz que “os jogadores que forem liberados para uma janela internacional de jogos, podem ser banidos por até cinco diz após o término da janela”. Com essa regra acionada, oito jogadores brasileiros demorarão mais para voltar a campo.

Com o acionamento da regra, cinco clubes ingleses terão desfalques: Chelsea (Thiago Silva), Leeds United (Raphinha), Liverpool (Alisson, Fabinho e Roberto Firmino), Manchester City (Éderson e Gabriel Jesus) e Manchester United (Fred). 

Jogadores do Chelsea e Manchester United, Thiago Silva e Fred não estarão de fora apenas em jogo do campeonato inglês, mas também em duelo de estreia de Champions League. O zagueiro dos Blues não enfrenta o Zenit, da Rússia, e o volante dos Red Devils não encara o Young Boys, da Suíça. Os dois jogos são no dia 14 de setembro.

Jogador do Everton, o atacante Richarlison não aparece na lista, pois a CBF entende que os Toffees já tiveram boa vontade o suficiente ao terem liberado o jogador para a disputa dos Jogos Olímpicos de Tóquio, diz a BBC.

Vale lembrar que, os brasileiros não foram liberados por conta das restrições sanitárias adotadas em virtude da pandemia de coronavírus, já que o Brasil é um dos países que estão na lista vermelha do governo do Reino Unido.

Além dos cinco clubes já citados anteriormente, mais três equipes também não terão jogadores à disposição por conta do acionamento desta regra da Fifa. Newcastle United (Miguel Almirón, paraguaio), Wolverhampton (Raul Jimenez, mexicano) e Francisco Sierralta (Watford) também foram punidos.

(Foto de capa: Mike Hewitt/Getty Images)