Carregando

Buscar

Futebol

Atacante italiano vai voltar a jogar futebol após 12 anos de suspensão por doping

Compartilhe

Aos 46 anos, o italiano Francesco Flachi voltará a atuar pelos campos de futebol do “país da bota” após mais de uma década suspenso por doping. Agora, o atacante defenderá as cores do Signa 1914, da quinta divisão nacional.

Em 2007, Flachi defendia a Sampdoria e era um dos grandes atacantes do futebol italiano naquele momento. Ele chegou, inclusive, a ser convocado para a seleção, que no ano anterior havia sido a campeã do mundo contra a França em Berlim, na Alemanha. Logo após sua convocação, o jogador foi flagrado no exame antidoping por uso de cocaína.

Após dois anos de suspensão, o atacante voltou a jogar futebol pela segunda divisão italiana com o Empoli e depois com Brescia, quando novamente foi flagrado no exame anti-doping. Mais uma vez por uso de cocaína.

“Mentalmente, já não era a mesma pessoa. Não consegui evitar a recaída”, explicou o jogador, em entrevista à BBC.

O fato de Flachi ser reincidente, fez com que sua punição chegasse a 12 anos. Agora, em 2021, o atacante voltará a campo após cumprir mais de uma década de suspensão.

“Estou muito entusiasmado porque a data está a aproximar-se. Começou tudo como uma piada mas depois começámos a falar mais a sério”, disse Flachi.

(Foto de capa: Getty Images)

João Felix

Em destaque