Carregando

Buscar

Futebol

Efeito CR7 aumenta problemas em vendas de camisas do Manchester United; entenda

Compartilhe

Produtos do Manchester United sempre tiveram venda em larga escala, afinal, os Red Devils estão entre os clubes mais populares em todo o planeta. No entanto, após a confirmação do retorno de CR7 para Old Trafford, o clube inglês tem encontrado dificuldades para vender camisas.

Segundo o jornal inglês “Daily Mail”, o Manchester United está sofrendo uma escassez de camisas para colocar à venda. Isso acontece porque a Adidas, fornecedora de material esportivo da equipe, está com parte de sua produção atrasada devido ao fechamento de unidades de produção no Vietnã, de onde 28% da produção da empresa costumava sair.

A chegada de Cristiano Ronaldo apenas teria piorado – e muito – esta situação. Depois de ser confirmado que o português usará o número sete, houve uma corrida para adquirir a nova camisa do retorno de CR7 ao United.

O vídeo abaixo mostra a fila que existe ao redor da megaloja do United, no Old Trafford:

Ainda de acordo com o “Daily Mail”, existe a expectativa de um atraso de quatro meses na produção de camisas do Manchester United. Além disso, no site oficial da  loja dos Red Devils, já não se pode mais comprar camisas personalizadas com o nome de CR7. Estão esgotadas, no mínimo, até novembro.

A volta de Cristiano Ronaldo à Premier League (dentro das quatro linhas) deverá acontecer já na próxima rodada da competição, quando o Manchester United enfrenta o Newcastle. A partida, que será disputada no Old Trafford, está marcada para às 11 horas (de Brasília) do sábado (11).

(Foto de capa: Manchester United/Manchester United via Getty Images)

João Felix
Tags

Em destaque