Carregando

Buscar

Futebol

Vasco emite nota oficial após decisão da Justiça de executar R$ 93,5 milhões em dívidas trabalhistas

Jorge Salgado Vasco

O Vasco emitiu uma nota oficial nesta quarta-feira após a Justiça decidir executar R$ 93,5 milhões as dívidas trabalhistas a serem pagas pelo clube. O alto valor é referente ao Ato Trabalhista, cancelado em maio após o não pagamento de salários.

No comunicado, o time carioca afirmou que vai combater a medida “pelas vias judiciais próprias” e que a decisão “inviabiliza completamente o funcionamento”. Além disso, informou que não foi intimado da decisão proferida, e prestou esclarecimentos sobre o caso. 

“A surpreendente decisão do juiz gestor da CAEX, Dr. Fernando Reis de Abreu, inviabiliza completamente o funcionamento do Vasco e o cumprimento de suas obrigações mais básicas, além de impor a liquidação de ativos operacionais do clube. Na prática, a decisão, de forma absolutamente açodada, pretende decretar o encerramento das atividades de um clube que tem a 5ª maior torcida do país e que dispõe de todas as condições necessárias para reverter o atual estado de crise econômico-financeira, como vem demonstrando no presente exercício social (…) O Vasco informa que vai recorrer da decisão e confia que ela será suspensa e reformada em breve. Se necessário, o clube se utilizará de todos os instrumentos jurídicos disponíveis para assegurar a continuação de suas atividades e o cumprimento de suas obrigações com empregados e fornecedores”, diz uma parte da nota. 

Foto de capa: Jorge Perci/Vasco