Carregando

Buscar

Futebol

Após lances polêmicos em Flamengo e Olimpia, Conmebol divulga áudio e imagens do VAR; Presidente acusa Arrascaeta de ‘lance criminal’

A Conmebol divulgou nesta quinta-feira os áudios e vídeos da vitória por 4 a 1 do Flamengo no Olimpia pelas quartas de final da Libertadores. A partida foi marcada por polêmicas, principalmente no lance envolvendo Arrascaeta e Salazar, que deixou o campo de ambulância e teve traumatismo craniano.

A forte dividida ocorreu aos 23 minutos do primeiro tempo. O árbitro da partida Fernando Rapallini marcou falta a favor do Flamengo, mas foi alvo de reclamações após o paraguaio cair no gramado e ser retirado de ambulância. No entanto, o VAR avaliou a decisão como correta. 

Dentro da cabine, o árbitro de vídeo Mauro Vigliano disse que o golpe Arrascaeta foi “totalmente acidental” e ocorreu após a falta de Salazar por baixo. “A mão do (jogador) do Flamengo golpeia sem querer. (…) É tudo normal, o golpe que recebe é um golpe totalmente acidental. Produto da disputa. Golpe com a mão, mas sem intenção”.

O presidente do Olimpia disse que o lance não foi pênalti e que irá enviar um protesto à Conmebol. “Não sabíamos que enfrentaríamos um esquema, que de forma cirúrgica nos tirou de uma partida. Ele (Arrascaeta) o viu chegar e levantou os braços. Diria até que foi criminal”. 

Foto de capa: Divulgação/Conmebol