Carregando

Buscar

Futebol

Em resposta a ex-dirigente do Barça, Florentino Pérez diz que não teve qualquer influência na saída de Messi

Compartilhe

O presidente do Real Madrid, Florentino Pérez, ficou furioso com as declarações de Jaume Llopis, ex-dirigente do Barcelona que pediu demissão do cargo após o anúncio da saída de Lionel Messi.

Em entrevista à rádio “Cadena SER” logo após se desligar do Barça, Jaume Llopis disse que Florentino Pérez e Ferran Reverter, CEO do Barcelona, convenceram Joan Laporta, presidente do Barcelona, a deixar Lionel Messi sair do clube.

Jaume Llopis também falou que Florentino e Ferran tem uma amizade de longa data e que o presidente do Real Madrid persuadiu o CEO do Barcelona a convencer Joan Laporta sobre a saída de Messi.

Em comunicado emitido nesta quarta-feira (11), Florentino Pérez afirmou que “é impossível” que ele tivesse “qualquer influência” na saída de Lionel Messi. Além disso, o presidente do Real também falou que não é amigo de Ferran Reverter e que só o encontrou duas vezes em sua vida.

“É absolutamente falso que eu seja amigo do CEO do Barcelona, Ferran Reverter. É uma pessoa com quem encontrei apenas duas vezes na minha vida. […] É impossível, para mim, ter qualquer influência na saída de Messi ou em qualquer outra decisão do Barcelona. Portanto, espero que Jaume Llopis retifique essas afirmações o mais rapidamente possível.”, disse Florentino.

(Foto de capa: Eric Alonso/Getty Images)

João Felix
Tags

Em destaque