Carregando

Buscar

Futebol

Pia Sundhage comenta briga da goleira Barbara e afirma: ‘É difícil te dar uma resposta honesta’

Compartilhe

Em entrevista coletiva, na manhã desta quinta-feira (29), a técnica da Seleção Brasileira Feminina de Futebol, Pia Sundhage comentou sobre a briga envolvendo a goleira da canarinho, Bárbara, e a atleta paralímpica Andrea Pontes. 

Na resposta, Pia foi precisa em explicar que o foco no momento é a partida diante do Canadá, válida pelas quartas de final da competição. Entretanto, ressaltou a importância do psicológico das atletas:

“É difícil te dar uma resposta honesta, pelo psicológico ser uma coisa que a gente trabalha no dia a dia, e também acho muito difícil falar sobre redes sociais. Eu não sou boa com as redes, e por isso nós temos um time por trás da nossa equipe, para recebermos orientações sobre o que dizer e o que pensar para preparar o elenco.” – disse a treinadora. 

Foto Destaque de Capa: Reprodução/CBF

João Felix

A treinadora ainda seguiu:

No final das contas nós estamos nas quartas de final de uma olímpiada e nós e nós temos todos os tipos diferentes de obstáculos, e eu acredito que você lida com eles porque você realmente quer jogar uma partida completa. Então o meu trabalho é reunir o time por trás da equipe para ter certeza de que nós estamos falando a coisa certa, fazendo a coisa certa, e de que nós estamos preparadas para jogar. Por isso, na conversa que teremos no treinamento em alguns minutos será tudo sobre o jogo e como podemos vencer o Canadá, acreditando que podemos chegar na semifinal.”  

Bárbara é a goleira titular da seleção feminina e mesmo sob constantes críticas, a arqueira segue com a confiança da treinadora Pia. 

Na última quarta-feira (28), a jogadora se envolveu em uma polêmica com a atleta paralímpica Andrea Pontes, após receber críticas através do instagram. 

Utilizando a mesma rede social, Bárbara respondeu aos comentários de Pontes e ambas protagonizaram uma discussão.

Já na competição, o Brasil segue vivo e vai enfrentar o Canadá nesta sexta-feira (30), às 5h (de Brasília).

Em destaque