Carregando

Buscar

Futebol Stick

Em uma final emocionante, Ítalo Ferreira derrota o japonês Igarashi, conquista o ouro inédito no surf e o primeiro do Brasil em Tóquio

Compartilhe

O primeiro ouro do Brasil foi conquistado na madrugada desta terça-feira. Ítalo Ferreira derrotou o japonês Kanoa Igarashi na final do surf e ficou com a primeira medalha de ouro da modalidade, que é estreante nos Jogos Olímpicos.

A final começou eletrizante. Logo nos primeiros minutos, o brasileiro quebrou a prancha após tentar uma manobra e teve que buscar uma nova com sua equipe, deixando o mar. O japonês, no entanto, não conseguiu manobras com boas pontuações, mesmo com a vantagem, e Ítalo somou 15.14 no total contra 6.60 do adversário.

Aos oito minutos corridos, o brasileiro pegou a sua primeira boa onda, recebendo nota 7.00 dos juízes. Empolgado, ele trocou a sua segunda nota na sequência, ao pegar uma onda de 5.50. A 16 minutos do término, Italo foi para um aéreo e recebeu 7.77, deixando Kanoa Igarashi precisando de uma combinação de 14.77.

João Felix

Ítalo é natural Baía Formosa, no Rio Grande do Norte, e conquistou o campeonato mundial de surf em 2019. Em entrevista ao “Sportv” após o fim da bateria, o surfista desabafou e disse que está com fé no ouro.

“Eu vim com uma frase para o Japão: diz amém que o ouro vem. Eu treinei muito nos últimos meses, mas só tenho que agradecer a Deus por tudo isso. Meu intuito é ajudar as pessoas e as famílias. Eu queria que a minha avó estivesse viva para ver isso. Sou muito feliz pelo que me tornei, pelo que fiz pelos meus pais. Sempre pedi para que esse sonho fosse realizado e ele aconteceu”.

Em destaque