Carregando

Buscar

Futebol

Ídolo da Argentina, Kempes menospreza Messi: “Não vai ser maior que Maradona”

Compartilhe

Após conquistar o primeiro título com a camisa da seleção argentina, Lionel Messi foi novamente comparado com Diego Maradona. Apesar de levantar o primeiro troféu com o seu país, a estrela do Barcelona ainda não chega aos pés do bicampeão do mundo na visão de Mario Kempes. 

O ex-atacante da Argentina no título da Copa do Mundo de 1978 menosprezou a conquista de Messi contra o Brasil na Copa América. Em entrevista à “ESPN” do México, Kempes afirmou que “não importa o quanto Messi ganhe, o que quer que ele ganhe, nunca ser comparado ao que Diego fez”.
“Para o Messi, o infortúnio foi que ele substituiu Diego Armando Maradona. E Diego, com a idolatria que carregou pelo mundo, é muito difícil ofuscá-lo. Se Messi quer ser melhor que Maradona… ele não vai. Ele não vai conseguir nem se ganhar quatro Copas do Mundo seguidas. Ele ainda não tem um título de campeão mundial”, argumentou o ídolo argentino. 
Foto de capa: Getty Images
João Felix
Messi conquistou o seu primeiro título pela Argentina no último sábado (10). Na final da Copa América, o atacante ajudou a equipe de Scaloni a derrotar o Brasil no estádio do Maracanã e encerrou uma seca de conquistas que durou 28 anos no futebol do país. 

Em destaque