Carregando

Buscar

Futebol Stick

Lucas Lima quase teve contrato rescindido com o Palmeiras após flagra em festa clandestina; entenda o caso

Compartilhe

O meia Lucas Lima esteve perto de ter seu contrato rescindido com o Palmeiras recentemente, depois de ter sido flagrado em uma festa clandestina por torcedores alviverdes. Entretanto, o motivo que fez o clube recuar da decisão foi Patrick de Paula, encontrado nas mesmas condições dias depois, segundo a “Coluna UOL de Primeira”.  

De acordo com a apuração, o Palmeiras entedia que os erros, mesmo que idênticos, se diferenciam no contexto e comportamento de cada um dos atletas no geral. Enquanto Patrick de Paula é uma das grandes promessas do elenco alviverde e teve papel importante na última temporada, Lucas Lima tem apenas mais um ano de vínculo e nunca se firmou, além de ser alvo constante de críticas da torcida. Pela pouca idade, o erro do camisa 5 foi encarado como um deslize passível de amadurecimento. Já no caso do meia, o flagrante seria a ‘gota d’água’ para o encerramento de seu contrato. 

João Felix

Porém, o Palmeiras voltou atrás por entender que o grupo precisa seguir em paz e com tratamento justo, mantendo ambos os jogadores no elenco. Mesmo assim, Lucas Lima e Patrick de Paula foram advertidos, multados e afastados, mas acabaram reintegrados uma semana depois. Desde então, o camisa 20 não foi aproveitado pelo técnico Abel Ferreira, enquanto o volante de 21 anos já atuou em três partidas no último mês. 

Foto: Reprodução/Palmeiras

Em destaque