Carregando

Buscar

Futebol

Dia do Chocolate: relembre goleadas marcantes no futebol mundial

Compartilhe

O futebol é um esporte que permite que os espectadores e torcedores experimentem diversos tipos de sensações. No entanto, muitas vezes o sentimento pode estar ligado a vexames e humilhações, como quando uma equipe sofre uma goleada histórica em Copa do Mundo, ou na Liga dos Campeões. Sabendo disso, o 365Scores listou algumas das principais derrotas no futebol para celebrar o “Dia Mundial do Chocolate”.

Mais de 20...

Em 1909, o Botafogo venceu pelo pequeno placar de 24 a 0 para Sport Club Mangueira, pelo Campeonato Carioca. Segundo o portal “Lance!”, esta é a maior diferença de gols em uma partida oficial de futebol masculino registrada no Brasil. Mais recentemente, em 2020, outro gigante brasileiro aplicou um “chocolate”. Durante o Campeonato Paulista daquele ano, a equipe feminina do São Paulo fez nada menos que 29 a 0 em cima do Taboão da Serra. Nada mal, hein?

Foto: Getty Images
João Felix

É chocolate!

Em 2000, às vésperas do Domingo de Páscoa, o polêmico Eurico Miranda incorporou o coelhinho, prometeu e distribuiu chocolate dentro e fora do campo. No gramado, o Vasco derrotou o Flamengo sobre 5 a 1 e conquistou a Taça Guanabara daquele ano. Fora dele, o então vice-presidente vascaíno presentou a torcida com 40 mil ovos de chocolate.

Alguém anotou a placa?

Em 28 de setembro de 2019, as Meninas da Gávea, alcunha pela qual é conhecida a equipe de futebol feminino do Flamengo, aplicaram um chocolate de 56 a 0. A goleada aconteceu no duelo diante do Greminho, válido pela terceira rodada do Campeonato Carioca Feminino daquele ano.

8 a 2

Na Liga dos Campeões de 2019/20, o Bayern de Munique colocou outro gigante na roda. No dia 14 de agosto de 2020, os Bávaros venceram o Barcelona de Lionel Messi por 8 a 2, em duelo válido pelas quartas de final da competição. Vale mencionar que um dos dois gols da equipe catalã foi marcado por David Alaba contra.

7 a 1

Ah, o fatídico dia… Naquele 08 de julho (amanhã!), pelas semifinais da Copa do Mundo, em pleno Mineirão, a seleção da Alemanha fez 7 a 1 no Brasil, com direito ao choro de David Luiz. O gol de honra dos canarinhos foi marcado por Oscar.

Na Liberta também tem...

Na Libertadores, a maior goleada da história foi aplicada pelo Peñarol em cima do Valencia, da Venezuela, pela fase de grupos da competição. O confronto em questão aconteceu no dia 15 de março de 1970 e terminou em 11 a 2. 

Em 2012 foi a vez de um time brasileiro passar o carro em cima de um time sul-americano. Em 10 de maio daquele ano, o Santos enfrentou o Bolívar e venceu pelo singelo placar de 8 a 0, o mesmo sofrido pelo Peixe em 2013 diante do Barcelona, pela Taça Joan Gamper. O River Plate repetiu o feito recentemente, quando fez 8 a 0 contra o Jorge Wilstermann, em 2017, e contra o Binacional, em 2020.

Quando surge o Alviverde...

O Palmeiras acumula algumas goleadas ao longo de sua história, principalmente em cima de Corinthians e Santos. Inclusive, venceu de forma emblemática o Borussia Dortmund por 6 a 1, em 1996, que ficou marcada. No entanto, também sofreu com chocolates, sendo a mais dolorida um 7 a 2 para o Vitória, na Copa do Brasil de 2003, que resultou em eliminação.

Quando o São Paulo "gastou" o arsenal de gols

A maior goleada aplicada por uma equipe recentemente foi do São Paulo. No último dia 08 de junho, pela terceira rodada da Copa do Brasil, o Tricolor atropelou o 4 de Julho com um placar de 9 a 1. A equipe paulista saiu perdendo no jogo de ida por 3 a 2. Desde então, o clube não vem conquistando bons resultados.

Lembrou de mais alguma, torcedor?

Em destaque