Carregando

Buscar

Futebol

Eliminações de seleções nas quartas de final da Copa América ‘devolvem’ 11 atletas para o Campeonato Brasileiro

Compartilhe

As eliminações de Uruguai, Paraguai, Chile e Equador nas quartas de final da Copa América ‘reforçam’ alguns clubes brasileiros com os retornos de seus jogadores. Seis equipes terão de volta 11 atletas eliminados do torneio continental. 

Flamengo e Atlético-MG são os principais beneficiados, com três atletas retornando para cada um dos elencos. No rubro-negro, Arrascaeta, Isla e Piris da Motta caíram com Uruguai, Chile e Paraguai, respectivamente, e estarão a disposição de Rogério Ceni em breve. No Galo, o paraguaio Junior Alonso, o chileno Eduardo Vargas e o equatoriano Alan Franco voltarão para Belo Horizonte nos próximos dias. 

Os outros cinco jogadores eliminados se dividem entre Palmeiras, São Paulo, Grêmio e Inter, que contam com os retorno de Gustavo Gómez e Matias Viña, do Verdão, Arboleda para o time de Hernan Crespo, além de Pinares e Palacios para a dupla Gre-Nal, respectivamente.

João Felix

Dessa forma, apenas quatro atletas permanecem na Copa América, todos da seleção brasileira. Gabigol, Éverton Ribeiro (ambos do Flamengo), Weverton (Palmeiras) e Léo Ortiz (RB Bragantino) enfrentarão o Peru nas semifinais do torneio na próxima segunda-feira (5), às 20h (horário de Brasília), no Estádio Nilton Santos. 

Foto: Getty Images

Em destaque