Carregando

Buscar

Futebol

Abel Braga detona Inter após demissão de Ramírez: “O futebol brasileiro não tem projeto, só se exige resultado”

Compartilhe

Atualmente no Lugano, da Suíça, o treinador Abel Braga não aprovou a forma com que o seu sucessor, Miguel Ángel Ramírez, foi demitido do Internacional. Em entrevista para o programa “Seleção SporTV”, Abel não só criticou a postura do Colorado, como também o futebol brasileiro como um todo.

“Eu acho que, por tudo aquilo que foi dito na contratação, tinha que ter dado um tempo maior. Foi colocado que o objetivo maior era mudar a forma de jogar, trabalhar com jogador novo. A ideia era essa. Aí vem o resultado que não agrada, não houve uma adaptação ainda legal ou uma afinidade entre ideias”, disse.

“Eu cheguei ao Inter, perdi o primeiro jogo para o América, pela Copa do Brasil, perdi o segundo jogo, dois dias depois, para o Santos, e não mexi na equipe que estava jogando com o Coudet. Depois, começou, e teve aquela sequência de 14 jogos sem perder. Lamentavelmente, o futebol brasileiro não tem projeto, só se exige resultado”, concluiu.

João Felix

Na mesma conversa, Abel ainda falou sobre o motivo por ter optado em treinar um time fora do Brasil. “A gente não pode se programar conscientemente de ‘quero fazer aquilo’. Isso é quase impossível. A chance que o meu agente me deu para vir para cá é um negócio muito legal, porque é Europa, só joga de final de semana, todas as viagens de ônibus, no dia de jogo não concentra. O Palmeiras em 15 dias fez seis jogos. Isso é desumano. Isso não tem aqui. Eu já sei que dia 20 eu vou para o Brasil para passar o Natal e o Réveillon. É outra parada”, comentou.

Imagem de capa: Ricardo Duarte/Internacional

Em destaque