Carregando

Buscar

Futebol

Richarlison é intimado por ação de R$ 19,7 milhões e oficial vai à Granja Comary

Richarlison
Compartilhe

Concentrado na Granja Comary com a seleção brasileira, Richarlison recebeu uma intimação de um oficial de justiça na última sexta-feira (25). O atacante é cobrado em ação movida por dois empresários, cobrando um total de R$ 19,7 milhões, de acordo com o “ge.globo.com”. 

Os empresários Ricardo Mendes e Luciano Martins, com quem Richarlison firmou contrato ainda em 2015, moveram a ação e buscam receber a quantia do atacante do Everton, da Inglaterra, e de seus atuais agentes Lucca Bertolucci e Renato Velasco. O processo foi aberto ainda no ano passado, mas não teve desdobramentos até então, já que o jogador ainda não havia sido citado. 

Ricardo e Luciano afirmam que não receberam o que teriam direito nas negociações de Richarlison com Fluminense, Watford e Everton, ambos da Inglaterra. A dupla calcula que deveria ter embolsado R$ 13,4 milhões em comissões nestas operações. Além disso, eles afirmam ter direito a 5% dos salários do atacante nos últimos cinco anos, que seria de cerca de R$ 6,3 milhões. 

João Felix

“Infelizmente, tivemos que tomar a decisão de buscar a Justiça para resolver essa situação. Procuramos o Richarlison e o Bertolucci algumas vezes mas não conseguimos conversar e nem receber o que nos é de direito. Temos todos os documentos assinados por eles. Só queremos receber o que é nosso, o que é justo”, relatou o empresário Ricardo Mendes.

Richarlison segue concentrado para a disputa da Copa América e a seleção brasileira volta a campo na próxima sexta-feira (2), pelas quartas de final, contra o Chile, no estádio Nilton Santos. 

Foto: Getty Images

Em destaque