Carregando

Buscar

Futebol

Ricardo Teixeira aconselhou Caboclo a trocar Tite e Juninho Paulista por Jorge Jesus e Marcos Braz

Compartilhe

Isolado na presidência da CBF e sob uma forte pressão de quase todos os lados possíveis, Rogério Caboclo foi aconselhado por Ricardo Teixeira, ex-presidente da CBF, a ‘atacar’, de acordo com a “Folha de São Paulo”. Assim, um dos ‘pitacos’ do mandatário da entidade de 1989 a 2012 ao presidente afastado seria de realizar mudanças no futebol, trocando o técnico Tite, da seleção brasileira, e o coordenador de seleções da CBF, Juninho Paulista, pelo técnico Jorge Jesus, do Benfica, e pelo vice-presidente de futebol do Flamengo, Marcos Braz, respectivamente.

O conselho de colocar Jesus e Braz nos cargos seria para aliviar a pressão, uma vez que a dupla teve grande sucesso em 2019 pelo Flamengo, clube de maior torcida do país, ao serem campeões da Copa Libertadores e do Campeonato Brasileiro. Vale ressaltar que Teixeira é torcedor do Rubro-Negro e tal troca amenizaria a repercussão negativa de uma demissão de Tite por questões políticas.

João Felix

Caboclo teria ficado revoltado com o fato da comissão técnica não ter lhe dado apoio após a discussão com os jogadores. Para o presidente afastado, Tite e os demais lhe deviam lealdade, e não aos jogadores.

Foto: Divulgação/Lucas Figueiredo/CBF

Em destaque