Carregando

Buscar

Futebol

Após polêmica, Vasco cria a “regra da bandeirinha” em São Januário; Estádio deve receber jogos do Fluminense e Botafogo

Compartilhe

Com o Maracanã passando por reforma no gramado e o Nilton Santos reservado também para as disputas da Copa América, São Januário surge como opção para Fluminense e Botafogo mandarem seus jogos. No entanto, o Vasco criou uma regra: as bandeirinhas precisam ser neutras.

Embora pareça algo irrelevante, o assunto gerou polêmica em março, quando o Tricolor carioca disputou um jogo do Carioca no local e fincou bandeiras do clube no campo (foto de capa). A situação gerou revolta entre os vascaínos, que acharam falta de respeito no ato. Inclusive a diretoria desaprovou o ato.

A regra valerá já a partir de domingo, quando o Fluminense irá receber o Cuiabá em São Januário, às 11h (horário de Brasília), pelo Brasileirão. As chances também são grandes de o clube de Laranjeiras enfrentar o Santos, no dia 17, no mesmo estádio. As informações foram divulgadas pelo “UOL Esporte”.

Foto de capa: Reprodução/Fluminense
João Felix

No caso do Botafogo, a equipe ficará sem estádio por um mês (de 13 de junho a 13 de julho – período da Copa América). O alvinegro mandará seus jogos contra Remo, CSA e Vitória em São Januário.

O Flamengo estuda outras praças para receber seus jogos. A primeira opção era Brasília, mas o Mané Garrincha também será usado na Copa América. Com isso, o preferido é Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, palco de outros jogos do Rubor-Negro. 

Em destaque