Carregando

Buscar

Futebol

Atacante do Atlético-GO, Zé Roberto acusa volante do Newell’s Old Boys de racismo após partida da Sul-Americana

Compartilhe

O atacante do Atlético-GO, Zé Roberto acusou o volante Sforza, do Newell’s Old Boys de racismo após o empate em 1 a 1, na noite desta terça-feira, pela Copa Sul-Americana. O jogador brasileiro afirmou que o rival argentino de 19 anos chamou Marlon Freitas de “negro” durante a partida.

Em entrevista à “Conmebol TV”, o atacante desabafou: “O número 13 deles chamou o Marlon Freitas de negro. Em pleno 2021, isso não pode acontecer mais. Fica aqui minha palavra para esse garoto, esse número 13 deles: sem racismo, por favor”.

Ainda acrescentou: “Estamos em uma época muito difícil, tantas pessoas sofrendo, e ele quer trazer mais sofrimento. Fica a palavra para esse garoto que está só começando agora, mas que já tem um pensamento ridículo e uma cabeça horrível”.

Foto de capa: Getty Images
João Felix

Com o empate, a equipe brasileira foi eliminada da competição. O Libertad, do Paraguai, garantiu a classificação para a próxima fase ao terminar na primeira colocação do Grupo F.

Em destaque