Carregando

Buscar

Futebol

Florentino Pérez desabafa após suspensão da Superliga Europeia, mas avisa: “Se este projeto não funcionou, outro funcionará”

Compartilhe

O presidente Florentino Pérez, do Real Madrid, desabafou sobre a suspensão da Superliga Europeia em entrevista ao programa “El Larguero”, da rádio “Cadena SER”. Principal organizador da competição, ele afirmou estar assustado com as reações e que o torneio foi mal explicado e entendido pelo público, mas garantiu que ele ainda acontecerá.

“Estou um pouco triste e desiludido porque estamos trabalhando neste projeto há três anos. Consiste no que podemos fazer para combater a situação econômica do futebol espanhol. A liga (campeonato nacional) é intocável, faz parte da história. E o formato da Liga dos Campeões está obsoleto, antigo e apenas interessante a partir das quartas de finais. Antes não tem interesse. Estamos todos encantados que times de alguns países possam enfrentar times grandes. Mas quando você está em uma situação como esta… Última temporada entre os 12 perdemos 600 milhões de euros. Este formato não funciona e ocorreu-nos fazer um formato em que, sem nos exibirmos, defrontássemos as equipas mais importantes da Europa. Fizemos números e vimos que se pode ganhar muito mais dinheiro. Para que os grandes não percam e com solidariedade. Todas estas equipes têm 2 bilhões de fãs entre os 4 bilhões que gostam de futebol no mundo”, declarou o presidente do clube merengue.

João Felix

No mais, Pérez disse que o projeto da Superliga está em ‘stand-by’ e não está acabado. “Se este projeto não funcionou, outro funcionará. Lembre-se: todos os 12 clubes assinaram um contrato vinculativo. […] Começaram a fazer uma campanha manipulada de que íamos acabar as ligas, sobre os méritos… Que estávamos acabando com o futebol. Tem gente que têm privilégios e não quer perdê-los, mesmo que à custa da ruína dos clubes. […] Juventus e Milan não deixaram a Superliga. Real Madrid, Barcelona, Juventus e Milan continuam em negociações para encontrar soluções. […] A Superliga não está morta, vamos continuar trabalhando neste projeto. Agora está em stand-by”, completou o presidente.

Foto: Reprodução/Getty Images

Em destaque