Carregando

Buscar

Futebol

Leeds protesta contra SuperLiga em partida diante do Liverpool: “Futebol é para os torcedores”; Klopp também critica competição

Compartilhe

Durante o aquecimento da partida contra o Liverpool, nesta segunda-feira (19) pela 32ª rodada do Campeonato Inglês, os jogadores do Leeds United entraram em campo com uma camisa em que se manifestavam contra a criação da SuperLiga Europeia – uma vez que iriam enfrentar um dos 12 clubes envolvidos na criação do torneio. Na parte da frente da blusa, havia o símbolo da Liga dos Campeões e os dizeres “Se conquista”, ou seja, vagas em competições continentais se conquistam no campo, não são compradas. Já na parte de trás da camisa, estava escrito “Futebol é para os torcedores”.

João Felix

O técnico do Liverpool, Jurgen Klopp, que já havia se manifestado anteriormente contra a esta nova competição, manteve seu posicionamento. “Tenho a mesma opinião sobre a SuperLiga. É difícil, as pessoas não estão felizes e eu não estou envolvido. Liverpool é mais do que algumas decisões. O meu objetivo sempre foi fazer parte da Liga dos Campeões. Gosto da ideia de que o West Ham (atual 4º colocado no Campeonato Inglês) pode jogar a Champions”, disse o treinador alemão.

“Lembre-se: as partes mais importantes do clube são os torcedores e a equipe. E devemos ter certeza de que nada atrapalhe isso. […] Eu entendo a raiva dos fãs por causa da SuperLiga. Não sei exatamente por que os 12 clubes fizeram isso. Mas… é sempre ‘mais jogos, mais jogos’. É mais dinheiro, nada mais”, completou Klopp a “BBC Sport”.

Foto: Reprodução/Getty Images

Em destaque