Carregando

Buscar

Futebol

Com sequência intensa de jogos até o fim de maio, Abel pede paciência a esposas dos atletas do Palmeiras

Compartilhe

O Palmeiras vive uma uma sequência intensa de jogos e a tendência é que esta se permaneça até o fim do mês de maio, pelo menos. De forma inusitada, o técnico alviverde Abel Ferreira pediu paciência em meio a este momento para esposas e namoradas dos jogadores de sua equipe.

“Eu temo que as esposas deles comecem a cansar porque eles estão cansados. São coisas que tenho que me preocupar em termos psicológicos. Que elas reclamem porque eles chegam em casa cansados, têm que dormir, dormem mais vezes fora de casa. A única coisa que me preocupa é essa. Os jogos estão marcados, mas a psicologia que eu tenho que usar é que eles precisam descansar, para as esposas terem paciência (risos), porque é normal que eles cheguem em casa e digam que estão cansados”, disse o treinador português.

João Felix

Questionado sobre o rodízio que precisará fazer no elenco e, portanto, escalar um time alternativo vez ou outra, Abel saiu pela tangente. “Não gosto de falar time reserva, não foi assim que ganhamos a Libertadores e a Copa do Brasil. Temos que olhar para o rendimento dos jogadores, não o nome, é por isso que eles competem todos os dias. Meu critério de escolha é o rendimento. Tem um desafio novo para mim. Nunca na minha vida como treinador tive tantos jogos seguidos. Ano passado já foi desafiador, esse ano é ainda mais”, comentou o técnico.

Foto: Divulgação/Cesar Greco/SE Palmeiras

Em destaque