Carregando

Buscar

Futebol

Atlético-MG: empresário entra com mais processos na Justiça e cobra pouco mais de R$ 1 milhão do clube

Compartilhe

O empresário André Cury entrou na Justiça com mais dois processos contra o Atlético-MG. A informação dada pela “Rádio Itatiaia” aponta que os processos aconteceram por meio da empresa Link Assessoria e cobram pouco mais de R$ 1 milhão do clube. A cobrança ocorre na Justiça Comum, por meio da 30ª Vara Cível da Comarca de Belo Horizonte. 

Dessa vez, R$ 800 mil são referentes a um processo do lateral Marcos Rocha, e os outros R$ 222 mil em uma causa envolvendo o volante Rosinei. Nesta, o valor se refere ao pagamento das últimas duas parcelas de uma dívida do clube, que ainda não foram quitadas.

O caso de Marcos Rocha é referente ao ressarcimento do valor que teria sido acordado pela transferência do jogador para o Palmeiras em 2019. Ainda em março, André Cury já havia entrado na Justiça Comum contra o Atlético, pedindo quase R$ 9 milhões ao clube, valores referentes a negociações do atacante Di Santo e do zagueiro Erazo.

João Felix

Imagem de capa: Pedro Souza/Atlético-MG

Em destaque