Carregando

Buscar

Futebol

Vasco usará camisa com alerta para violência contra mulher em jogo contra o Nova Iguaçu, pelo Carioca

Compartilhe

O Vasco encara o Nova Iguaçu pelo Campeonato Carioca, mas o que chamou a atenção foi o uniforme vestido pelo elenco. Em ação ao combate à violência contra a mulher, o clube optou por Ricardo Graça usar uma camisa com um “X” vermelho no lugar da Cruz de Malta.

Os demais atletas usarão camisas brancas, com um “X” estampado em seus uniformes em forma de protesto aos inúmeros casos de feminicídios. Em homenagem ao dia da mulher, o Vasco publicou o apelo nas redes sociais e explicou a ideia da mudança do uniforme para o confronto.

Foto de capa: Rafael Ribeiro/Vasco
João Felix

Veja o comunicado na íntegra:

Neste sábado (13/03), o Vasco da Gama entrará em campo, às 18h, em São Januário, em partida válida pelo Campeonato Carioca de Futebol 2021, com uniforme diferente. Trata-se de uma ação de conscientização sobre a violência contra a mulher.

Com o objetivo de chamar atenção para o número de casos de violência contra a mulher no Brasil, o Vasco escolheu o zagueiro Ricardo Graça para vestir uma camisa preta, diferente dos demais atletas que vestirão camisas brancas, com um X vermelho no lugar da Cruz de Malta, reforçando a urgência de maior acolhimento e providências para as mulheres vítimas de violência. Todos os outros jogadores terão o X estampado em seus uniformes também durante a partida, mas com a manutenção da Cruz de Malta.

Além da utilização do símbolo da luta contra a violência doméstica, o Clube substitui também a propriedade da VascoTV nas camisas por “Disque 180”, o telefone da Central de Atendimento à Mulher.

Antes do apito inicial, torcedores receberão, nas redes sociais do Gigante da Colina, a escalação para a partida, como de praxe, só que desta vez serão 18 nomes de mulheres na linha de frente do combate à Covid-19. A ação celebra o mês da mulher.

Em destaque