Carregando

Buscar

Futebol

Joachim Low justifica sua saída da seleção alemã: “É o momento para passar o bastão”

Compartilhe

O técnico Joachim Low comentou, em entrevista nesta quinta-feira (11), sobre a sua saída da seleção alemã ao fim da Eurocopa deste ano. Ao que muito especulava-se na imprensa europeia, ele disse que a derrota de 6 a 0 para a Espanha pela Liga das Nações, em 17 de novembro do ano passado, não influenciou na decisão. Segundo Jogi, ao fim do torneio continental é o momento exato por uma renovação visando a próxima Euro, em 2024, que será realizada na Alemanha.

“No ano passado, independentemente do jogo contra a Espanha, tive muito tempo para pensar. Para mim, este verão é o momento certo para passar o bastão a outro treinador. Nossos jogadores carecem de experiência, mas tem um potencial enorme. Tenho convicção de que os atletas terão seu melhor desempenho em 2024 e não me vejo nessa posição em 2024. Após a Copa de 2006, vivemos um entusiasmo que levou a renovações, novos caminhos e este deve ser o caso novamente”, afirmou Low.

João Felix

O treinador de 61 anos ainda falou sobre a possibilidade de Hans-Dieter Flick, atual técnico do Bayern Munich e que foi assistente de Low na seleção, assumir o cargo. “Todos sabem qual é a minha relação com Hansi-Flick, mas não é meu trabalho falar sobre possíveis sucessores. Essa é a tarefa do nosso presidente. A decisão está nas mãos da Federação Alemã e boas decisões têm sido tomadas recentemente”, disse Jogi.

Foto: Reprodução/Getty Images

Em destaque