Carregando

Buscar

Futebol

Após reunião da ECA, medida que pode impedir transferências milionárias na Europa a partir de 2024 é avaliada

Compartilhe

A Associação de Clubes Europeus (ECA) se reuniu nesta quarta-feira (9) para discutir medidas que podem ser adotadas no futebol do continente a partir de 2024. Dessa forma, segundo o presidente do órgão Andrea Agnelli, o principal ponto debatido no encontro era encontrar uma maneira para que os clubes não tenham um desfalque econômico e perdas de grandes jogadores dos principais times da Europa.

“Estamos a discutir uma mudança no sistema de transferências para que os clubes da Liga dos Campeões não possam mais comprar ou vender jogadores entre si, mas sim negociar apenas para jogadores de clubes de classificação inferior”, comentou Agnelli, que também é o presidente da Juventus.

João Felix

Com isso, a janela de transferências no Velho Continente sofreria alterações: negociações por Mbappé e Haaland, por exemplo, teriam interferências pelo fato dos atacantes não poderem se transferir para um clube da mesma categoria, necessitando a rescisão de contrato para tal. A intenção é controlar os gastos excessivos e diminuir a discrepância entre as equipes europeias.

Foto: Reprodução/Getty Images

Em destaque