Carregando

Buscar

Futebol

Vasco emite nota oficial sobre retorno dos públicos aos estádios: “Discussão prematura”

Compartilhe

O Vasco emitiu uma nota oficial sobre a possibilidade de retorno de público aos estádios no Campeonato Carioca. Segundo a diretoria, trata-se de uma discussão prematura justamente pelo agravamento da pandemia de Covid-19 no Brasil.

“O Vasco da Gama entende que o retorno de torcedores aos estádios é uma discussão prematura visto o recrudescimento da pandemia do novo coronavírus no Brasil”, dizia parte do comunicado. 

O clube, inclusive, colocou-se contra o retorno de pessoas aos estádios de futebol no atual momento de crise sanitária que o país enfrenta. No entanto, o Vasco é a favor da continuidade do estadual, pois acredita que não envolve tantas complexidades. 

Foto de capa: Rafael Ribeiro/Vasco
João Felix

Confira a nota oficial:

O Club de Regatas Vasco da Gama comunica seu posicionamento quanto às questões relativas ao retorno de público aos estádios em partidas de futebol, conforme noticiado na imprensa nas últimas horas.

O Vasco da Gama entende que o retorno de torcedores aos estádios é uma discussão prematura visto o recrudescimento da pandemia do novo coronavírus no Brasil.

O presidente Jorge Salgado e sua diretoria administrativa já comunicaram tal posição à Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FFERJ), além dos clubes que por ela são representados, e reitera a vontade do CRVG em restringir o acesso somente aos profissionais credenciados, conforme protocolo já adotado durante o Campeonato Carioca 2021.

O Vasco reforça ainda que defende a continuidade da competição estadual, haja visto que o Rio de Janeiro é um estado territorialmente pequeno, e que os deslocamentos da delegação cruzmaltina, e das demais equipes, não envolvem transporte aéreo ou uma logística de grande complexidade.

O Clube reitera ainda ser favorável ao reforço do protocolo sanitário rígido adotado pela competição, com testagens periódicas para a Covid-19, uso de máscaras faciais, álcool gel e distanciamento social nas áreas de competições, conforme determina o Ministério da Saúde.

Portanto, o Vasco da Gama é veementemente contra o retorno de público aos estádios de futebol no atual momento de crise sanitária do país.

Em destaque