Carregando

Buscar

Futebol

Rodrigo Caio e Arrascaeta não cumprem meta contratual e Flamengo economiza milhões; Entenda

Flamengo
Compartilhe

Rodrigo Caio e Giorgian De Arrascaeta renderam ao Flamengo uma economia de cerca de R$15 milhões ao não cumprirem uma meta de quatro mil minutos jogados ao fim da temporada. Segundo informações de “O Globo”, há uma cláusula nos contratos dos atletas que impõe que, se baterem ou ultrapassarem a minutagem, o Rubro-Negro deveria adquirir mais um percentual dos dois.

Caso Rodrigo Caio tivesse atingido os quatro mil minutos, o Mengão seria obrigado a comprar mais 15% dos direitos do jogador junto ao São Paulo, o que significaria a quantia de R$6,8 milhões. Acontece que o atleta atuou apenas em 32 jogos. O Flamengo, então, continua a ter 60%, com o Tricolor com 30% e o próprio jogador com 10%. No Campeonato Brasileiro, ele jogou 1.686 minutos.

Arrascaeta, por outro lado, se tivesse atingido a meta, obrigaria o Flamengo a comprar mais 25% dos direitos (R$8,4 milhões) e repassar diretamente ao empresário do uruguaio, Daniel Fonseca, detentor da porcentagem do jogador. O time da Gávea possui 75% dos direitos. No Campeonato Brasileiro, o atleta jogou 2.218 minutos, além de 123 pela Copa do Brasil.

Imagem de capa: Getty Images

João Felix

Em destaque