Carregando

Buscar

Futebol

Richarlyson critica declaração de Lisca sobre pandemia: “Hipocrisia encapuzada de heroísmo”

Compartilhe

O veterano Richarlyson criticou nas mídias sociais a declaração do técnico Lisca, do América-MG, que desabafou sobre a continuidade do futebol em meio ao aumento dos índices da Covid-19 no Brasil. Richarlyson a chamou “hipocrisia encapuzada de heroísmo”.

O treinador disse: “Faço um apelo à CBF para dar um tempo nessa Copa do Brasil. Para que a gente adie um pouco esses jogos, né? Nós vamos jogar só no dia 18, talvez até lá. Mas há jogos já agora na próxima quarta-feira. E eu tenho certeza de que meus colegas também estão preocupados. Eu sou pai de família, tenho duas filhas e uma esposa. Eu quero viver, gente”.

Atualmente defendendo o Noroeste na Série A3 do Campeonato Paulista, Richarlyson de 38 anos concorda com a possível paralisação do futebol, desde que seja para evitar novas mortes. Segundo ele, Lisca descumpriu os protocolos sanitários ao comemorar a classificação para a semifinal da Copa do Brasil, indo contra ao próprio discurso da última quarta-feira.

João Felix

“Até quando isso? Lisca quer que pare o futebol? Ok, tudo bem. Eu até concordaria com isso, se não fosse o Lisca falando. Lisca, no dia 19 de novembro de 2020, comemorou sua vitória diante do Internacional pela Copa do Brasil que ele tanto está abominando hoje, nos braços da galera. Digitem no Google: ‘Lisca doido nos braços da galera’ e verão o festival de notícias e de descumprimento das medidas contra a pandemia Covid-19”, disse Richarlyson em um trecho da publicação nas mídias sociais.

Veja publicação completa:

Foto de capa: Reprodução/Bruno Freias

Tags

Em destaque