Carregando

Buscar

Futebol

Avião que levaria Lucas Veríssimo para Portugal foi interceptado com meia tonelada de cocaína

Compartilhe

A Polícia Federal apreendeu 500 kg de cocaína em um jatinho, em Salvador, que levaria Lucas Veríssimo, ex-jogador do Santos, para Portugal no último dia 9. O destino do voo era o aeroporto de Tires, em Cascais. Além do zagueiro, os agentes de futebol Bruno Macedo, de Jorge Jesus, e Hugo Cajuda, de Abel Ferreira, também estavam presentes na lista de passageiros. A PF abriu investigação para apurar o caso.

Em virtude das restrições aéreas entre Brasil e Portugal, Veríssimo fez a viagem em um voo comercial, passando pela França. Desse modo, o Benfica, novo clube do atleta de 25 anos, confirmou que ele estava na lista de passageiros desse avião, mas optou por um comprar um novo ticket, via Paris.

João Felix

No dia 9 deste mês, o Benfica anunciou a contratação de Lucas Veríssimo, que ficou no Santos até a final da Copa Libertadores de 2020, disputada no dia 30 de janeiro. Os Encarnados desembolsaram 6,5 milhões de euros (mais de R$ 42 milhões) para tirar o zagueiro do Peixe e assinar um contrato até 2025 com ele.

Foto: Divulgação/SL Benfica

Em destaque