Carregando

Buscar

Futebol

Willian recebe ataques racistas nas redes sociais e desabafa: “Algo precisa mudar”

Willian Borges
Compartilhe

Nesta sexta-feira (19), o brasileiro Willian denunciou ataques racistas que recebeu no aplicativo Instagram. Segundo os prints, ele foi chamado de “macaco” diversas vezes por três perfis diferentes. Além disso, um deles o manda “voltar para a selva”.

Willian recebe ataques
Foto: Reprodução/Instagram/Willian

Por meio de stories, Willian divulgou as mensagens ofensivas e desabafou: “Algo precisa mudar. A luta contra o racismo continua!”. Segundo a emissora de TV “BBC” e o jornal “The Guardian”, o Arsenal, clube pelo qual o jogador atua, condenou os atos e demonstrou apoio ao atleta e à luta antirracista.

“Este é outro exemplo deprimente do que infelizmente está acontecendo com nossos jogadores e com muitos outros regularmente. A rede social é uma das maneiras pelas quais nossos torcedores em todo o mundo podem se sentir mais próximos do clube e dos jogadores, mas no futebol e em outros lugares, vimos um mundo online envenenado por palavras odiosas, racistas e discriminatórias. Todos nós precisamos trabalhar juntos para eliminar esse comportamento. Isso inclui clubes, órgãos governamentais, fãs, mídia e políticos, mas requer a ajuda e o compromisso das empresas de mídia social.”

disse o Arsenal por meio de um comunicado

Nas últimas semanas, atletas do Manchester United foram vítimas de racismo e ataques virtuais. Marcus Rashford, um dos principais nomes ativistas do futebol mundial, foi ao Twitter desabafar sobre as mensagens que recebeu, mas não divulgou nenhum print. Segundo ele, os racistas fazem esses comentários para desestabilizar e seu papel tem sido maior que isso.

Foto de capa: Site/Arsenal.com

Em destaque