Carregando

Buscar

Futebol

Vasco irá solicitar anulação da partida contra o Internacional após polêmica com o VAR

Compartilhe

O Vasco irá solicitar a anulação da partida contra o Internacional, que aconteceu na tarde deste domingo, em São Januário, devido à suposta falha técnica do VAR na verificação do lance de impedimento de Rodrigo Dourado, que resultou no primeiro gol do time gaúcho.

De acordo com o “UOL Esporte”, o clube já começou a movimentação jurídica com o 1º vice-presidente geral, Carlos Roberto Osório. Um ofício foi anexado à súmula da partida. A derrota para o Inter por 2 a 0 complicou a situação da equipe carioca, que está no rebaixamento.

Segundo informações dos responsáveis do árbitro de vídeo, a linha de verificação estava descalibrada e, por isso, o lance foi decidido pelo árbitro de acordo com o que aconteceu em campo. Outro lance que gerou polêmica foi o pênalti marcado pelo VAR ao Vasco, que foi desperdiçado por Germán Cano.

Foto de capa: Reprodução/CBF
João Felix

O “Globo Esporte” teve acesso ao ofício anexado pelo clube e assinado pelo presidente Jorge Salgado. De acordo com o texto, “a falha no funcionamento da câmera que serviria para analisar o primeiro gol do Internacional, em que havia suspeita de impedimento, “feriu de morte a lisura da partida”.

Confira a íntegra do ofício:


“De acordo com as normas aplicáveis ao VAR e previstas nas Regras de Futebol 2020/21 da CBF, nos jogos em que o VAR é utilizado pela arbitragem, o “VAR automaticamente deve “checar” as imagens gravadas das câmeras de TV, em todo possível ou real gol, pênalti ou decisão/incidente de cartão vermelho direto, ou em caso de identificação equivocada, utilizando diferentes ângulos de câmeras e velocidades de replay” (p. 151).

No entanto, não foi isso que se viu no jogo Vasco x Internacional, quando o Vasco foi claramente prejudicado – novamente, diga-se de passagem – pelo VAR. Dessa vez, sistema do VAR deixou de funcionar justamente no momento da checagem do gol do Internacional, cujo autor estava claramente em posição de impedimento, como demonstrando por diversos ângulos pelas câmeras de televisão.

Essa inadmissível falha do VAR feriu de morte a lisura da partida, tornando-a anulável. Por isso, requeremos a anulação da partida Vasco x Internacional ocorrida em 14/02/2020, com a consequente remarcação da partida em nova data e com um VAR em pleno funcionamento.”

Em destaque