Carregando

Buscar

Futebol

Uefa concluirá que não houve racismo em caso de jogo entre PSG e Basaksehir, diz jornalista

Compartilhe

Segundo o jornalista Ramón Fuentes do jornal “Sport”, a Uefa está encerrando as investigações sobre o suposto caso de racismo na partida entre PSG e Istanbul Basaksehir pela Liga dos Campeões.

A conclusão da Uefa é que o árbitro Constantin Coltescu não foi racista ao se referir a Pierre Webó como “negro” na partida da fase de grupos. O organismo entende que foi uma atitude inapropriada.

João Felix

Essa é a conclusão que, em breve, será apresentada pela Uefa, de acordo com o jornalista. Dois meses atrás, a instituição abriu investigação para apurar o caso, que começou quando o quarto árbitro, Coltescu, se referiu a um membro da comissão turca como “negro”.

Em protesto, os jogadores das duas equipes deixaram o gramado e voltaram aos vestiáriosA partida só foi retomada no dia seguinte, com um novo trio de arbitragem e terminou com a vitória do PSG por 5 a 1.

Foto: Reprodução

Tags

Em destaque