Carregando

Buscar

Futebol

Tottenham não quer mais contar com Bale, afirma jornal

Compartilhe

Pouco menos de cinco meses depois de acertar seu retorno, o Tottenham já definiu que não espera continuar com Gareth Bale para a próxima temporada. De acordo com o “Marca”, o clube inglês está decidido que nem pensa em estender o contrato de empréstimo do atacante de 31 anos, que vai até junho deste ano. Assim, o acordo que para muitos significaria a recuperação do futebol do galês, passou a ser um problema também para os Spurs e não só para o Real Madrid.

Bale disputou apenas 15 dos 32 jogos do Tottenham na temporada (46%), sendo apenas um deles completo, e marcou quatro gols. A paciência do técnico José Mourinho e da torcida parece estar se esgotando com o jogador. Desse modo, Graeme Souness, ex-jogador dos Spurs, afirmou que “parece que ele está feliz em ficar no banco”.

João Felix

A realidade é que o alto salário de Gareth Bale não interessa mais ao Tottenham, assim como ao Real Madrid. E o problema ao clube espanhol é bem maior. Isso porque o galês está longe de ceder e aceitar uma rescisão de contrato amigável com Los Blancos – o vínculo do jogador vai até junho de 2022 com o Madrid. O atacante, portanto, não se importa em ficar encostado no elenco e não participar do time, desde que suas remunerações sejam pagas.

Além disso, ao contar com Bale em seu elenco, o Madrid pode encontrar mais uma adversidade. Esta última está relacionada com o ‘Brexit’, a saída do Reino Unido da União Europeia. De jogadores que não fazem parte da comunidade, o clube deverá ter para a temporada de 2021/22, Bale, Vinícius Jr., Rodrygo, Éder Militão e Takefusa Kubo, já que Reinier ficará mais um ano emprestado no Borussia Dortmund.

Foto: Reprodução/Getty Images

Em destaque