Carregando

Buscar

Futebol

Dois anos após o acidente, família de Emiliano Sala ainda aguarda esclarecimentos sobre sua morte

Compartilhe

No dia 21 de janeiro de 2019, Emiliano Sala, atacante argentino que pertencia ao Nantes, da França, embarcava para assinar contrato com o Cardiff, do País de Gales, e dar um novo passo em sua carreira no futebol. No entanto, essa trajetória foi tragicamente interrompida. O avião que levava o jogador até o Reino Unido acabou caindo próximo ao Canal da Mancha, tirando a vida do atleta de 29 anos.

Após dois anos do acidente, a família de Sala ainda aguarda esclarecimentos sobre a causa exata do acidente aéreo. O advogado da família do jogador, falou sobre o andamento das investigações ao portal britânico “Sky Sports”. “Estou muito esperançoso de que o legista de Dorset agora estabeleça uma data para a investigação começar imediatamente após o julgamento de David Henderson [piloto], para que a família de Emiliano não tenha que suportar outro triste aniversário sem respostas”, disse o representante.

João Felix

A Agência Britânica de Investigação de Acidentes Aéreos (AAIB, sigla em inglês) constatou uma perda de controle por parte do piloto ao realizar uma manobra para, possivelmente, ter maior visibilidade por conta do mau tempo, mas essa hipótese não é 100% confirmada. O corpo do jogador foi encontrado no interior da aeronave duas semanas após o acidente, em meio a destroços a uma profundidade de 67 metros. Já o do piloto de 59 anos nunca foi encontrado.

Foto: Loic Venance, AFP

Em destaque