Carregando

Buscar

Futebol

Neto e Marcelinho Carioca se revoltam com goleada aplicada pelo Palmeiras no Corinthians

Compartilhe

A goleada de 4 a 0 sofrida pelo Corinthians no dérbi, na segunda-feira, pelo Campeonato Brasileiro, mexeu com os ânimos dos torcedores corintianos, entre eles os ídolos do clube, Marcelinho Carioca e Neto. O ex-meio campista postou um desabafo em sua conta do Instagram. Já o apresentador criticou Mancini durante o programa “Baita Amigos”.

“Deixa eu falar uma parada aqui. Revoltado, pô. Tá de brincadeira. Nunca perdi de quatro para esses caras, mano. Não pode, o Corinthians não pode perder de quatro para eles, não pode. Não pode perder para eles de quatro, pô!”, disse Marcelinho.

Já Neto se voltou ao treinador e as escolhas feitas por ele. “Mancini, deixa eu falar uma coisa para você. Perder para o Palmeiras por 4 a 0, com jogador sem vontade de correr e você, Mancini, ainda deixa o Luan no banco? Bota o cara para entrar! O cara ganha 800 “pau” por mês. Sabe o que você faz? Faz ele passar a mesma vergonha. Aí o cara fica no banco, como se nada tivesse acontecendo com ele”. 

Foto de capa: Reprodução/Twitter
João Felix

O comentarista reconheceu a superioridade do Palmeiras e elogiou a atuação da equipe finalista da Libertadores, assim como o trabalho feito pelo técnico Abel Ferreira. “Parabéns ao Palmeiras! Se força um pouquinho, era sete, oito… Parabéns ao Abel Ferreira. Meteu um, meteu dois, três quatro, fez o quinto e o sexto, que não valeram por causa do VAR, e quis fazer mais. Aí o que ele faz? Tira dois jogadores e coloca dois na mesma (posição). Gabriel Menino dando tapa, Raphael Veiga um monstro”. 

Além das críticas a Mancini, Neto ainda alfinetou a postura dos jogadores durante a partida. Para ele, a goleada foi “chocolate” e os atletas estavam em campo com “falta de vontade”. 

“Agora, jogadores que jogam no Corinthians, você ganhar de pé de rato é uma coisa, mas você jogar contra o Palmeiras você tem que jogar, velho! Tem que jogar, tem que correr. Você pode perder de quatro como você perdeu, mas não pode perder dando risada. Perdeu, mas vai com sangue, com disposição. Um chocolate”.

Em destaque