Carregando

Buscar

Futebol

Jogador brasileiro que atuava na Nigéria morre em decorrência de Malária

Compartilhe

Lucas Henriques Farias, de 32 anos, não resistiu às complicações após ter contraído malária e faleceu nesta terça-feira (19). O jogador, ex-Fluminense de Joinville, havia acabado de se transferir para o Vandrezzer FC, da Nigéria, em dezembro de 2020, porém, após um mês no país, contraiu a doença e retornou ao Brasil para fazer tratamento contra a doença.

O lateral-direito defendeu as cores do time catarinense entre 2016 e 2019, e também utilizou as instalações do clube em 2020 para aprimorar seu condicionamento físico antes de se transferir para a equipe que disputa a segunda divisão da liga nigeriana. No primeiro mês em seu novo clube, o atleta contraiu a malária de forma grave, voltou ao país e recebeu tratamento no Brasil, chegou até a ter suspeita de Covid-19, porém, depois foi confirmado como infectado por malária e Lucas acabou não resistindo.

João Felix

O Fluminense de Joinville tratou de prestar uma homenagem em seu Instagram ao atleta natural de Recife-PE. Veja a publicação a seguir:

Foto: Divulgação/Vandrezzer FC

Em destaque