Carregando

Buscar

Futebol Stick

Lesão se agrava e Gatito pode ficar de fora do restante da temporada: “Revoltado”

Compartilhe

Em entrevista para o “ge”, Gatito Fernández se abriu em relação as dificuldades que passou ao longo da atual temporada. Longe dos gramados desde setembro, o goleiro sofreu complicações no edema ósseo do joelho direito e não deverá voltar a atuar na temporada. 

Gatito se diz “revoltado” por não estar jogando e revela incômodo com comentários que vê nas redes sociais. “Simplesmente tive uma contusão grave e o tratamento está em andamento ainda. Não tem ninguém mais revoltado do que eu. Minha família e meus amigos percebem isso todos os dias”, iniciou. 

“O que me incomoda é ouvir alguns comentários de que não estou me esforçando para voltar por causa da situação do time. E como o Botafogo estava em 2018 e 2019? Também foram anos difíceis e sempre estive junto. Por que seria diferente agora? Tenho metas pessoais, como ser o estrangeiro com mais jogos pelo Botafogo, por exemplo. Sem atuar não vou conseguir”, completou.

João Felix

Ao longo dos últimos dias, informações afirmavam que o goleiro poderia sair do Botafogo caso se confirme o rebaixamento do time. Contudo, Gatito garante que sua permanência não depende do futuro do time, mas sim do mercado.

“Eu tenho contrato com o Botafogo até o final de 2021. Minha permanência não tem nada a ver com ficar ou não na Série A. Até porque nos anos anteriores já recebi algumas propostas e preferi ficar. O Botafogo é gigante e isso basta pra qualquer atleta se encher de orgulho por vestir essa camisa. Em qualquer divisão. A questão é de mercado e, se surgir algo bom para todas as partes, vamos sempre conversar”, disse.

Em destaque