Carregando

Buscar

Futebol

Uefa lança documentário contra discriminações; Pobga e Kean relatam racismo na Itália

Compartilhe

A Uefa lançou um documentário voltado para o combate às discriminações ao redor do mundo. Nomeado de “Outraged” (indignado em português), o longa que tem duração de menos de uma hora mostra relatos de racismo, homofobia, xenofobia, entre outros, dentro do futebol. Um dos casos foi relatado por Paul Pogba e Moise Kean, quando ainda atuavam pela Juventus, da Itália.

Pogba relatou que, quando atuava pela Juve, sofreu insultos de uma criança. “Senti uma criança com o pai ao lado me insultando quando jogamos em Florença, contra a Fiorentina. Quando saí de campo dei a ele minha camisa, me pareceu ser a melhor resposta”, disse.

Kean, atualmente no PSG, também contou sua experiência. “Me senti mal. Eu estava triste. Em Cagliari, eu ouvi gente imitar o grito de macaco. Disse a mim mesmo que deveria fazer algo. Quando fiz o gol, fiquei na frente da torcida, de braços abertos, dizendo “Estou aqui, sou eu, sou negro e sou quem eu sou”. Também recebi insultos nas redes sociais. Me chamaram de macaco, falaram que não existem negros italianos. Eu nasci na Itália, me sinto como o Moise, um menino negro que não é diferente dos outros”, comentou.

João Felix

Em destaque