Carregando

Buscar

Futebol

Através de acordo, Fluminense diminui em R$20 milhões dívidas com governo

Compartilhe

Passando por problemas financeiros, o Fluminense chegou a um acordo com a Procuradoria Geral da Fazenda Nacional (PGFN), órgão do governo responsável por requisitar dívidas, e conseguiu abonar cerca de R$20 milhões da dívida vigente que o clube possui. O Tricolor Carioca renegociou seus débitos e conseguiu um desconto de 30% sobre a quantia total devida de impostos.

Antes, os valores chegavam a cerca de R$63 milhões. Com o acordo, o Flu deve arcar com aproximadamente R$44 milhões, a serem pagos em 145 meses — quase 12 anos e um mês de prazo. A parcela de dezembro, avaliada em 200 mil reais, já foi paga pela diretoria.

João Felix

O acordo entre as duas partes foi possível graças a mudanças na legislação tributária feitas pelo presidente Jair Bolsonaro. Segundo a Lei 13.988, dívidas fiscais podem ser negociadas com novos prazos e descontos aplicados a juros, multas e encargos. Apoiado nessa mudança fiscal, o Fluminense afasta o perigo de ter que passar pelo processo de penhora do governo federal nos próximos 12 anos.

Foto: Divulgação/Fluminense FC

Tags

Em destaque