Carregando

Buscar

Futebol

Grêmio projeta orçamento de 2021 e irá precisar arrecadar apenas R$ 28 milhões com vendas

Compartilhe

O Grêmio lançou em seu orçamento de 2021 o valor referente ao que o clube pretende arrecadar com venda de jogadores. Para que as contas fiquem equilibradas, é necessário a entrada de “apenas” R$ 28 milhões em vendas (cerca de 4,5 milhões de euros). A quantia baixa deixa os torcedores otimistas em relação a falta de necessidade de vender jogadores importantes como Pepê, Jean Pyerre e Matheus Henrique.

Para exemplificar, o trio citado acima é avaliado desta forma: 9 milhões de euros (Pepê), 9 milhões de euros (Jean Pyerre) e 20 milhões de euros (Matheus Henrique). Isso mostra que não há urgência em vender os jovens do time em prol de saúde financeira. A quantia de vendas projetadas é de um terço quando comparada ao orçamento de 2020, muito graças a venda de Everton Cebolinha.

Os jogadores citados acima não são os únicos que podem ser vendidos. No entanto, a venda de apenas um deles já resolveria o orçamento do clube para o ano inteiro. Soma-se o fato de que os três são os que mais atraem atenção. Pepê, por exemplo, já foi sondado pelo Porto, de Portugal, e Wolverhampton, da Inglaterra.

Imagem de capa: Lucas Uebel/Grêmio FBPA 

João Felix

Em destaque