Carregando

Buscar

Futebol

Goleiro de time belga tem o contrato rescindido após festa clandestina

Compartilhe

O goleiro camaronês Fabrice Ondoa foi demitido do KV Oostende, da Bélgica, após realizar uma festa clandestina em sua residência. De acordo com o portal “As”, da Espanha, o Presidente do clube disse que não seria possível tolerar uma atitude dessa.

“Como clube de futebol, não podemos tolerar um comportamento egoísta e irresponsável”, disse Gauthier Ganaye, Presidente do clube belga. De acordo com o portal, a polícia da cidade de Ostende foi chamada na noite de sábado, 12, por causa do barulho que vinha da casa do atleta. Os policiais encontraram mais de uma dezena de pessoas dentro da residência, desrespeitando as normas de restrições, como aglomerações e o toque de recolher noturno.

O mandatário completou: “Ainda não tivemos infecções por covid-19 e fazemos todo o possível para mantê-las assim. É por isso que lembramos constantemente nossos jogadores de suas responsabilidades. Somos obrigados a iniciar um processo de demissão contra Fabrice Ondoa”.

João Felix
Tags

Em destaque