Carregando

Buscar

Futebol

Marcelo Veiga morre aos 56 anos de Covid-19; Técnico estava na UTI em estado grave

Compartilhe

O futebol brasileiro está de luto. Nesta segunda-feira, Marcelo Veiga faleceu aos 56 anos vítima de Covid-19. O técnico estava internado desde meados de novembro na UTI da Santa Casa de Bragança Paulista, em São Paulo, em estado grave.

O falecimento foi divulgado pelo portal “Futebol Interior”, mas não há informações sobre velório e enterro. Veiga estava comandando o São Bernardo FC na Copa Paulista e é considerado uma lenda no Bragantino.

Marcelo Veiga teve passagens por inúmeros clubes paulistas enquanto técnico, como Francana, São Caetano, Portuguesa, Guarani e Mogi Mirim, além de ter trabalho em times como Ferroviário-CE, América-RN e Remo-PA.

Como jogador, atuou em times como Santos, Internacional, Goiás, Atlético-GO, Itumbiara, Fortaleza, Bahia, Joinville, Santo André, Portuguesa e Matonense. Conquistou o Campeonato Cearense de 1992, com o Ferroviário, e os títulos de campeão gaúcho e vencedor da Copa do Brasil com o Internacional.

João Felix

No entanto, está ligado diretamente à história do Bragantino. Foram mais de 500 jogos e feitos importantes, como o título do Campeonato Brasileiro da Série C de 2007. Ainda no Interior Paulista, foi campeão brasileiro da Série D de 2015 com o Botafogo-SP.

Seu último trabalho foi à frente do São Bernardo FC durante a temporada.  Foi semifinalista do Paulista A2, perdendo o acesso ao Paulistão para o São Bento. Já na Copa Paulista, o Tigre, que vem sendo comandado por Sérgio Ricardo nos últimos jogos, está na semifinal – na ida, no Primeiro de Maio, em São Bernardo do Campo, empate, por 1 a 1, com a Portuguesa.

Em destaque