Carregando

Buscar

Futebol

Diego Alves não aceita redução de 60% e se abre para o mercado; Flamengo avalia impasse

Compartilhe

A situação de renovação entre Diego Alves e o Flamengo segue indefinida a 20 dias do fim do contrato. De acordo com o jornalista Cahê Mota, o goleiro já decidiu que não aceitará a última proposta apresentada, com redução em 60%, e irá se abrir ao mercado em 2021.

Devido ao imbróglio e a insatisfação pelo clube não apresentar uma nova investida, os representantes do jogador ficaram mais receptivos ao assédio do exterior a partir do início de dezembro. Ele está livre para assinar um pré-contrato com qualquer clube desde julho, mas esperava uma valorização da diretoria rubro-negra.

O impasse ocorreu quando o departamento financeiro com aval de Landim não permitiu o acordo selado entre Bruno Spindel e Diego Alves se tornasse vigente. A nova proposta prevê 14 meses a menos de vínculo e salário mais baixo, chegando a 60% de redução do que foi falado inicialmente, no dia 24 de outubro.

João Felix

Os dirigentes afirmam que o número representa o aumento que está no limite do orçamento. No entanto, as atuações de Hugo Souza no profissional têm peso considerável na postura da diretoria administrativa. Por outro lado, Rogério Ceni já se posicionou favorável a permanência e ressaltou a importância de Diego Alves como líder do grupo. 

Outro cenário que está incomodando o goleiro é o alto investimento em Pedro ao mesmo tempo que existem restrições financeiras. Além disso, o período entre o ok a Spindel e a notícia de que o valor havia sido reprovado pelo financeiro gerou mais conflito.

O motivo seria porque Diego já tinha informado aos familiares e dado andamento ao processo burocrático para permanecer no Rio de Janeiro por mais dois anos, como moradia, escola dos filhos, entre outros, ressalta o jornalista.

Enquanto Diego reitera que já reduziu sua pedida para o acordo inicial, a diretoria administrativa não a leva em consideração por entender que nunca houve o aval de Landim. Quem busca a ponte e a continuidade da boa relação é Marcos Braz, mas o fim do contrato está próximo. O goleiro tem apenas mais três partidas para fazer com a camisa do Flamengo antes do vínculo se encerrar.

Em destaque