Carregando

Buscar

Futebol

Diego Alves e Flamengo têm impasse em renovação, e líderes do elenco se irritam

Compartilhe

A permanência de Diego Alves no Flamengo ganha ares de filme de suspense nos bastidores do clube. A menos de 30 dias para o fim do contrato, que se encerra em 31 de dezembro, a relação entre o goleiro e a diretoria segue estremecida.

De acordo com o jornal “Extra”, a situação indefinida não tem sido bem vista pelos principais líderes do time como Filipe Luis, Diego Ribas, Gabigol, Rodrigo Caio e o capitão Éverton Ribeiro, já que o goleiro é uma das principais referências a todos.

No entanto, ainda não houve avanço nas negociações e o veterano não está disposto a aceitar a proposta inicial oferecida pelos dirigentes. Se nada mudar nas próximas semanas, o Flamengo terá que ir em busca de um novo profissional para 2021, já que Neneca ainda não é titular absoluto.

João Felix

Diego Alves, inicialmente, aceitou a proposta financeira do departamento futebol, porém os números foram vetados pelo departamento financeiro, o que gerou mal-estar entre o goleiro e a diretoria. O vice de presidente, Marcos Braz, entrou em cena, mas não conseguiu avanço positivo.

Nos próximos dias, o responsável será o vice de finanças, Rodrigo Tostes, que vive nos Estados Unidos. Até o jogo do Racing, de volta da Libertadores, nenhum acordo tinha sido alcançado, e o cenário em que o clube se encontra também influencia nas contas do clube e no processo de renovação.

Em destaque