Carregando

Buscar

Futebol

Técnico do Racing critica arbitragem após empate com o Flamengo: “Me senti roubado”

Compartilhe

O empate de 1 a 1 entre Racing e Flamengo pela partida de ida das oitavas de final da Libertadores não agradou ao treinador Sebastián Becacecce. O comandante dos argentinos fez árduas críticas ao árbitro da partida, afirmando que o mesmo foi “decisivo” para a definição do resultado.

“Sem dúvida. Hoje, me senti roubado”, disse. Em seguida, quando perguntado sobre as decisões da arbitragem, optou por não entrar a fundo nas críticas.  “Não vale a pena… Já disse o que eu tinha para dizer”, acrescentou.

A reclamação ficou por conta da anulação do gol de Lisandro López, em uma cabeçada no início da segunda etapa. A arbitragem anulou o gol após considerar que Mena cometeu falta em Everton Ribeiro na origem do lance. Além disso, o Racing teve outro gol anulado. Este, no entanto, por impedimento que não gerou muitas discussões.

João Felix

Pela vantagem do gol fora de casa, o Flamengo pode avançar com um simples empate por 0 a 0 na partida de volta, no Maracanã, na terça-feira (1). Um empate por 1 a 1 leva a disputa para os pênaltis e qualquer empate acima de dois gols classifica os argentinos.

Em destaque