Carregando

Buscar

Futebol

Neto pede a paralisação do futebol: ‘Quase morri disso’

Compartilhe

O comentarista Neto, no programa “Os Donos da Bola”, disparou sobre o momento de surto de Covid-19 em todo o país, que vem afetando os clubes. Para ele, o futebol deve paralisar novamente:

“O futebol, nessa sequencia, vai ter que parar. Não é possível o que está acontecendo. (…) Não é só jogar futebol. Não é ir à praia. Não é ser hipócrita. A gente tem que fazer isso para todos nós. Quando a gente não tem isso, o que a gente prova? Que a gente não se importa com o ser humano que está do outro lado”.

Foto: Getty

“Eu, que quase morri disso aí, e tem pessoas próximas de mim que morreram, não posso deixar de falar a verdade. Eu não posso deixar de falar que era para ter seis hospitais de campanha no RJ, que arrebentaram com as matas e a pessoas ficaram ricas… O problema da vacina agora, que, politicamente, é muito mais importante para determinadas pessoas do que para um ser humano. Morreram 167 mil pessoas, que correspondem a 167 mil famílias”, finalizou.

Em destaque